sexta-feira, 8 de junho de 2012

Duas crianças pequenas e nenhum carro, como faz

Aqui em Paris andamos muito a pé e de transporte publico. Nunca tivemos carro desde que chegamos aqui ha' mais de 6 anos e até hoje ele não fez muita falta. Quando precisa, a gente aluga ou pega taxi, sai muito mais em conta.

Antes da Laura nascer, quase sempre saíamos com o Rafael no seu carrinho guarda-chuva (poussette-canne), bem leve e compacto, que passa em qualquer lugar, até mesmo na catraca do metrô. Como qualquer outra criança de 2 anos e meio, ele ainda não aguenta caminhar por longas distancias. Saio com ele a pé so' aqui por perto e se não tenho nenhuma pressa, como ir ao parque, no mercadinho do lado, etc. Mas qualquer lugar mais longe: carrinho!

O Rafael tem um carrinho igualzinho a esse

E quem tem dois filhos? Como fazer nesse caso? Sair com 2 carrinhos? No way! Até porque saio direto com os dois quando estou sozinha e mesmo com o papai junto, convenhamos que é tralha demais sair com 2 carrinhos. Fazer o mais velho andar? Quando é pertinho tudo bem, mas e se for mais longe? Para resolver a questão, tenho 2 acessorios que me salvam no dia a dia, e que tornam as saidas, seja sozinha ou em familia, muito mais praticas.

O primeiro acessorio é a echarpe. Sou super fã. No Brasil o pessoal chama tudo de sling, mas aqui sling é o que tem argola e echarpe é um pano que a gente enrola no corpo. Quando estou sozinha e preciso resolver varias coisas na rua, gosto de sair assim: com a Laura na echarpe e o Rafael no seu carrinho guarda-chuva. Laura na echarpe é sinonimo de sono profundo e o Rafael no carrinho fica quietinho, não sai correndo fazendo bagunça e pegando tudo o que vê nas lojas e o carrinho dele é bem mais facil de manobrar do que o dela. Mais pra frente, quando a Laura puder ir no carrinho guarda-chuva, acho que essa sera' também a melhor maneira de fazer turismo com os dois: Rafael andando e Laura no carrinho ou Rafael no carrinho e Laura na echarpe.

Essa foto é antiga, de quando o Rafael era recem-nascido. Uso a mesma écharpe para a Laura e ADORO!
O segundo acessorio é o marche-pieds, que apelidamos carinhosamente de "skate". Nunca vi isso no Brasil e não sei o nome em português, mas vejo isso direto aqui em Paris . O marche-pieds é uma prancha com rodas, que é acoplada no carrinho. O que eu comprei encaixa em quase qualquer tipo de carrinho. Então o bebê vai no carrinho e o irmão mais velho vai de pé na prancha, entre o carrinho e a pessoa que empurra. Assim como na foto abaixo:

Carrinho-trambolho da Laura e Rafael no "skate"

A vantagem é que o filho mais velho fica numa posição mais ativa. Eu vou conversando com o Rafael, ele observa mais as coisas e participa mais dos passeios. Quando estamos no supermercado, na feira ou em alguma loja, ele desce e vai andando. Sempre acho que no carrinho ele fica apatico e tem a tendência de dormir, mesmo quando não é hora. A desvantagem é que quem conduz o carrinho é obrigado a ficar um pouco mais para tras e é preciso um certo treinamento para não tropeçar na prancha. Outra desvantagem é que corre o risco do Rafael ficar preguiçoso para andar. Se bem que é facil tirar a prancha, então quando vou para algum lugar perto, é so' não levar.

No fim das contas é um pouco trambolho (principalmente num carrinho com moises), mas ou é isso ou é uma mãe estressada tendo que resolver coisas e o filho cansado pedindo colo. Afinal de contas, ele ainda é pequeno e não podemos obriga-lo do dia para a noite a andar as mesmas distancias que andamos, não é? E aqui a gente anda muuuuito!

E para completar o marido ja' esta' pesquisando alternativas para levar os 2 pequenos de bike, assim que a Laura estiver mais crescidinha. Claro que as nossas 2 bikes terão cada uma a sua cadeirinha, mas o Rô também podera' levar os 2 ao mesmo tempo na sua bike: uma criança atras e uma na frente. Mal vejo a hora de podermos pedalar todos juntos!

Foto surrupiada daqui

PS: existem também carrinhos-duplos, para gêmeos, mas tem que aguentar manobrar o carrinho, que não é pequeno em ciclovias nem sempre largas!
PS2: bicicleta é transporte levado à sério no pais do Tour de France! Ainda pode melhorar muito mas ainda assim, da para usar a bicicleta como transporte diario (a bicicleta publica - Vélib - ou a sua propria) sem medo de perder a vida na esquina. A prova disso é que os ciclistas parienses se sentem seguros o bastante para levar seus filhos pra la e pra ca de bicicleta (sempre com o equipamento de segurança minimo). Aqui bicicleta não é so para passear, ela é meio de transporte para a familia toda! 

3 comentários:

André Vieira disse...

Boa noite. Genial esta ideia do "Skate". Estou indo para Paris com duas crianças e gostaria de saber aonde posso encontrar este acessório por aí, pois certamente será mais baato do que aqui no Brasil.
Você poderia nos ajudar? Obrigado e parabéns pelo excelente blog. De longe o melhor que visitamos.
Abraços
Andre

disse...

Ola Andre, desculpe a demora da resposta, mas acabei de voltar de viagem. Respondendo a sua pergunta, não sei dizer se é facil encontrar em loja fisica. Talvez tenha na Sauvel Natal (http://parisdespetits.blogspot.fr/2012/07/puericulture-artigos-para-bebe-e-cia.html), mas so' indo la' para saber. Se vc tiver algum endereço de entrega em Paris, eu te aconselho comprar na Amazon francesa, que foi onde eu comprei. Se tiver em estoque, a entrega costuma ser bem rapida. Eu comprei o modelo Lascal Buggyboard Mini. No site do fabricante tem uma tabelinha bem completa da compatibilidade do "skate" (marche-pied de poussette, em francês) com diversos tipos de carrinho. Essa marca vende 2 tipos de marche-pied, o grande e o pequeno. Se o pequeno couber no seu carrinho, eu recomendo, ele é de otimo tamanho. O site do fabricante é esse aqui: http://www.lascal.fr/

Abraços!

tank girl disse...

Oi, Dé!!
Estamos indo pela terceira vez para a Europa com as pequenas (atualmente uma tem 7 e a outra 4 anos). Aqui no Brasil não usamos carrinho porque acabamos indo pra todo lugar de carro. Mas ano passado as meninas ficaram tão exaustas de bater perna (fizemos Munique, Salzburg e Paris) que esse ano estou com dó e pretendo comprar carrinho e skate.
Adorei a dica de encomendar pela amazon francesa, nunca havia me ocorrido isso!
E seu ebook tem nos salvado desde 2015 :)
Um grande abraço!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...